notícias noticias
notícia

Em Pelotas, Edegar Pretto defende participação do Estado em projeto da Incubadora Popular no Dunas

12/11/2021 - 14h11min

Em roteiro de trabalho do movimento ‘Rio Grande e presente, para toda a sua gente’, na região Sul do Rio Grande do Sul, o deputado estadual Edegar Pretto (PT) esteve, na última sexta-feira (12), no município de Pelotas. Lá ele visitou o projeto da Incubadora Popular coordenada pelo Comitê de Desenvolvimento do Loteamento Dunas (CCD), localizado na periferia da cidade.

É uma experiência que desenvolve trabalhos com a comunidade, voltados ao comércio, cultura e artesanato, e atua pela melhoria das condições econômicas e sociais da população que vive no bairro. Atualmente há quatro projetos sociais, que vão do Hip-Hop à geração de trabalho e renda para as mulheres.

Angelita Vieira das Neves, membro do conselho do CDD, reforça que o foco do Comitê é trabalhar com o desenvolvimento local e a geração de renda, envolvendo também a capacitação, a formação, o esporte e o lazer. No entanto, diante da pandemia e da crise econômica, também passou a atuar no combate à fome, com a organização de uma cozinha industrial comunitária que prepara marmitas e entrega cestas básicas.

“O perfil do CDD não é fazer assistencialismo, a gente está fazendo isso porque a incompetência da gestão pública não está conseguindo trabalhar essa política pública que é não deixar a população passar fome. Hoje é o terceiro setor que faz o papel do Estado. Isso é uma das coisas que tem que acabar. A gente pode até ajudar, mas a tarefa e a obrigação é do Estado”, enfatiza.

Conforme o deputado Edegar Pretto, essa ausência do Estado tem aprofundado a crise econômica e social no país. Para ele, iniciativas como a do CDD são fundamentais para gerar oportunidades às pessoas, com trabalho e renda, mas o poder público precisa estar presente. Pretto lembra que os atuais governos estadual e federal descontinuaram projetos já consolidados no estado e no país, e optaram por abandonar políticas sociais de incentivo aos setores produtivos e de produção de alimentos, por exemplo. “O Estado precisa ser um parceiro, ter políticas públicas e programas de incentivo e financiamento”, defende.

Além da visita ao CDD, ainda em Pelotas, o deputado se reuniu com integrantes de movimentos populares e cumpriu agendas nas reitorias da Universidade Federal de Pelotas (UFPel) e Universidade Católica de Pelotas (UCPel). Também acompanharam as agendas os deputados estaduais petistas Fernando Marroni e Zé Nunes; e dirigentes do PT na região. 

O roteiro de interiorização do movimento Rio Grande e presente, para toda a sua gente, é liderado por Edegar Pretto e percorre todas as regiões do estado. Pretto é o nome do PT como pré-candidato ao governo do RS nas eleições de 2022. Os diálogos do movimento na região Sul ocorreram até sábado (13), passando também por Rio Grande, Canguçu, Capão do Leão e São Lourenço do Sul.


CDD Comitê de Desenvolvimento do Loteamento Dunas dunas loteamento moradia pelotas rio grande do sul
confira também
Governos Lula, Dilma, Olívio e Tarso dei…
08 ago 2022notíciapré-candidato

Palavra de gaúcho: Em debate, Edegar Pre…
08 ago 2022notíciapré-candidato

Candidatura de Edegar Pretto é registrad…
05 ago 2022notíciapré-candidato

Eleições 2022: Edegar Pretto participa d…
05 ago 2022notíciapré-candidato

Assembleias temáticas vão aprofundar Pla…
05 ago 2022notíciapré-candidato

Olívio Dutra: o eterno governador de tod…
05 ago 2022notíciapré-candidato